Seguidores

segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

II Segundo Ato



II Segundo Ato

Abrem-se as cortinas escandalosamente
O vento rajadas de versos eloquentes
No quarto adentra mensageiro do ar
E sendo ar, envolve as letras cor âmbar.

O sol nada espera clareando a janela
Em parceria com o vento insinua a bela
Liberta o calor na atmosfera aquece
A colcha, a flama, a alma que enriquece.

No quarto o silêncio da joia alojada
 As pérolas perfeitas tão encantadas
Revelam-se ...A alma do vento e do sol.

A cortina no ato ainda dança festiva
Diáfana em ti desliza, as rimas da diva
A Poesia a luz, o encanto, o farol !

Marli Franco

Direitos Autorais Reservados®






Adega Íntima




Adega Íntima


O tempo passou na volúpia do descaso
O acaso que escorreu no cálice da vida
Na partida os lábios com o doce paladar
Amar sem segurar a haste prometida.


Olhei de frente para o cálice e o vinho
O caminho rubi diluído se movendo
Lembrando ali o líquido efeito do amor
O vigor até onde foi evaporado na dor.



Analisei como um enólogo este passado
Decantado vinho na adega já perfeito
Eleito e reverenciado em longos tempos.


 Guardei toda vastidão de saudades
Vontades de uma atenta sommelier
Voyeur na adega liberta da recordação.

O amor e sua videira, uvas delicadas
Abnegada na aliança da parreira viva.
Missiva dos sonhos que vinhos fecundos!

Marli Franco

Direitos Autorais Reservados®






terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Contigo dancei ...


Contigo dancei...


Hoje dancei com você, mirava...
Como a muito não dançava
Com um desejo sedento
Na brevidade de um vento
Dancei com você um momento...

Uma dança de nós dois apenas
Com nosso romance rolando penas
Nos braços da música ousava
Se me olhava, se eu te olhava?
Não sei.... Eu e você apenas senti
 Dançando, embalando prossegui
Na brevidade do tempo te segui...

Não vi quando a música acabou
Nem tão pouco se você notou...
O que sei é que com você dancei
E o seu amor comigo guardei
 Que uma vez mais contigo dancei...

Marli Franco
Direitos Autorais Reservados®