Amor


Amor

Tu Amor, que me descobre em languidez,
Luz que reflete e movimenta nossa correnteza.
No meu corpo é o paladino que aflora natureza,
Em um abraço me deixa aninhada em tua calidez.


Tu Amor, com um só olhar pode me capturar...
Em teu copo sou água um desejo incessante
A infinitude da sensação, um beijo apaixonante...
Eu sou a silhueta no teu azul, um gemido a deleitar.


Eu e você viajamos com o nosso Amor nas fronteiras
Nas colinas do entardecer atingimos nossas clareiras
A força dos sentimentos e a paixão em tom devastador.


Você e eu na magia da quietude perfeita, o vazio...
Atingimos no uno a estória que reluz o apogeu tardio
Já que somos Amor, na plenitude um só corpo inspirador.

Marli Franco
Direitos Autorais Reservados®




Comentários

  1. Marli, querida amiga, o romantismo e tuas imagens poéticas são simplesmente
    maravilhos !!Tua lira canta no coração! Beijos, Vilma

    ResponderExcluir
  2. Vim dar uma conferida após a entrevista na nave-blog. Como ainda não tenho opinião formada sobre aqui, vou te lendo na medida do possível.

    ResponderExcluir
  3. Olá Marli, lindo blog, belo conteúdo. adorei particularmente os haicais. voltarei para ler mais, acredito que assim não terei tanta dificuldade para escrevê-los.
    Acho uma forma de expressão bem original e bonita, mas tem que ter muito talento para dizer muito com tão poucas palavras...
    Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Agradeço a visita!
A sua presença e comentário são um privilégio precioso.
Volte sempre é uma honra te receber em meu humilde espaço.
Um beijo de violetas.

Postagens mais Visitadas

Poema musicalizado "Eu Escrevo"

Plataforma Dourada

Aves Místicas I - A Caçada