Sonhos de Avelãs


Sonhos de avelãs

Amo o teu sentir
Que cativa minha alma
Como as chuvas
Que despertam as manhãs
Lembra as sementes
Dos girassóis respirando o dia
Sonhos de avelãs nas mãos
Repletas de ousadias.


Amo o teu sentir
Que desperta em minha alma
Como um buquê de espumas do mar
Que me cobrem de branco
Girando, envolvendo em maresias
Revelando a onda carmim
Na sensação de amor em mim.


Ama o meu sentir
Chegue às tuas mãos
Transmutando em estrelas
Que de cada uma desintegre
Um beijo de palavra perfeita
Calada, colada em teus lábios
Falando do meu amor por ti.

Marli Franco
Direitos Autorais Reservados®


Tradução feita pelo Poeta Juan Olivas,do Fórun Poesia Pura,
a quem agradeço de coração
pelo trabalho que une nossos idiomas em Poesia.

Sueños de Avellanas

Amo tu sentir
Que cautiva mi alma
Como las lluvias
Que despiertan las mañanas
Despiertan las semillas
De los girasoles respirando el día
Sueños de avellanas en las manos
Repletas de osadías.

 
Amo tu sentir
Que se despierta en mi alma
Como un montón de espumas del mar
Que me cubren de blanco
Girando,envolviendo en marejadas
Revelando la onda carmesí
En la sensación de amor en mí.

 
Ama mi sentir
Llegue a tus manos
Transmutando en estrellas
Que de cada una desintegre
Un beso de palabra perfecta
Callada, pegada en tus labios
Hablando de mi amor por ti.


Comentários

  1. Marli, querida Poeta,
    Lindo demais! Em cada estrofe um passeio pelas linhas do coração em pleno sentires. Bravissimo!! Beijos, Vilma

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Agradeço a visita!
A sua presença e comentário são um privilégio precioso.
Volte sempre é uma honra te receber em meu humilde espaço.
Um beijo de violetas.

Postagens mais Visitadas

Poema musicalizado "Eu Escrevo"

Plataforma Dourada

Aves Místicas I - A Caçada