Setembro de Amor


Setembro de Amor

Setembro em mim chegando com ele o teu perfume tocando...
O meu sentir neste amor que floresce sensível assinalando,
O tempo não existe em nós só a fragrância do nosso viver,
A efemeridade do sentir além das estrelas vem renascer.


O meu ser esta em ti amor , sinto tua voz deslizando
Sonorizando um mantra que floresce amanhecendo...
O jardim d’alma se alastra um perfume de nostalgia,
Agraciada sou sorrisos de amor no ar elipses de energia.

Sinta amor o meu perfume um risco de luz bem sei.
Acho que madressilvas em pleno luar quem sabe talvez,
Mas quero mais simplicidade, para ser cores da primavera.



Sinto amor que neste exato momento, sou mesmo violeta
Fragrância sutil , impercebível ao mundo mas me completa.
Em ti sou como sou ,flores de saudade um quadro de têmpera .


Violetas em mim te entregando assim meu amor sem fim...

Marli Franco
Direitos Autorais Reservados®

Comentários

Postagens mais Visitadas

Poema musicalizado "Eu Escrevo"

Plataforma Dourada

Aves Místicas I - A Caçada